Como garantir uma viagem de avião tranquila durante a gravidez

Durante a gravidez, para garantir a calma e a tranquilidade durante o voo é aconselhado evitar viagens muito próximas da data provável do parto e preferencialmente escolher um acento no corredor, próximo ao banheiro do avião porque é normal que a gestante tenha que se levantar para ir ao banheiro várias vezes durante a viagem.Outras dicas que podem ser úteis, garantindo a paz e o sossego durante a viagem são:• Manter o cinto sempre bem apertado, abaixo da barriga e vestir uma roupa leve e confortável; • Levantar-se para caminhar pelo avião de hora em hora, para melhorar a circulação sanguínea, diminuindo o risco de trombose; • Beber água evitando café, refrigerantes ou chás, e preferir alimentos de fácil digestão.Ter sempre à mão livros e revistas com assuntos que goste também pode ajudar a proporcionar uma viagem menos estressante. Se tiver medo de viajar de avião, pode ser útil comprar um livro que fale deste assunto, porque todos possuem boas dicas para vencer o medo e a ansiedade durante o voo.

Como relaxar durante o voo

Se a gestante tiver medo de andar de avião, o que pode fazer para tentar se acalmar é tomar um anti-histamínico, sob orientação médica, ou tomar 1/2 taça de vinho porque estas situações favorecem o sono, deixando a mulher mais calma e relaxada.Apesar das bebidas alcoólicas não serem recomendadas durante a gravidez, pequenas concentrações de álcool quando ingeridas eventualmente não fazem mal ao bebê, e existem anti-histamínicos que também podem ser usados durante a gestação.Adotar técnicas como respirar profundamente mantendo a concentração no movimentação abdominal também pode ajudar a manter a mente focada e tranquila, mas é recomendado evitar viajar sozinha para que encontre uma mão amiga para eventuais necessidades que possam aparecer.

Até quando as grávidas podem viajar de avião

As grávidas saudáveis podem viajar de avião até as 35 semanas de gestação, quando está esperando apenas um bebê, e até às 32 semanas de gestação, se estiver grávida de gêmeos. Porém, no caso de grávidas com anemia, diabetes ou pressão alta; história de parto prematuro; sangramentos ou dores recentes, a viagem de avião pode ser desaconselhada.A partir das 28 semanas de gestação, algumas companhias aéreas, podem pedir que as gestantes viajem com uma declaração do médico que garanta a saúde da grávida e a data provável do parto.
Gostou? Compartilhe!

> Artigos relacionados

sintomas zika

Zika, Chikungunya ou Dengue: como identificar os sintomas de cada uma delas?

gravidez e faculdade

Gravidez e faculdade: entenda quando vale a pena trancar o curso

Deixe seu comentário