Por que comer frutas durante a gravidez? Descubra aqui!

As frutas são essenciais na dieta de toda grávida. Além de serem deliciosas e uma excelente opção para lanches práticos e saudáveis entre as refeições principais, elas fornecem nutrientes específicos que o organismo da gestante precisa para lidar com todas as mudanças hormonais e metabólicas que podem trazer grandes desconfortos nesse período, como prisão de ventre, congestão nasal, dificuldades digestivas, baixa imunidade, etc.Além disso, o bebê em formação demanda muito mais nutrientes para se desenvolver de forma saudável ao longo dos nove meses. E, como se sabe, esses nutrientes só vão chegar ao bebê se a mamãe os ingerir.Veja, neste post, por que comer frutas durante a gravidez e quais os benefícios que elas trazem.

Frutas ricas em vitamina C reforçam a imunidade

Durante a gestação há uma queda natural no sistema imunológico da mulher. Isso ocorre para que o organismo da mãe não reconheça o feto como um organismo intruso e o ataque. Mas o que é um mecanismo de defesa para o bebê, pode deixar as futuras mamães mais suscetíveis a gripes, resfriados, infecções e alergias.Para ajudar a evitar essas doenças, a ingestão de vitamina C é essencial. As frutas cítricas são as campeãs em fornecer essa vitamina: laranja, acerola, morango, limão, abacaxi e kiwi são algumas delas. A vitamina também é encontrada na manga e em grande quantidade na goiaba.Além de reforçar a imunidade, a vitamina C aumenta a absorção de ferro pelo organismo, imprescindível para evitar a anemia na gestação.

Frutas que são fontes de fibras regulam o intestino

O aumento hormonal, especialmente do estrogênio e da progesterona, relaxa a musculatura das grávidas, inclusive a dos intestinos, o que torna o processo digestivo mais lento e pode causar prisão de ventre e, para algumas mulheres, hemorroidas, devido ao esforço para evacuar.Para prevenir a prisão de ventre na gravidez, coma frutas ricas em fibras, como o maracujá, a maçã, a pera (com casca), a tangerina e o pêssego. As frutas secas são outras ótimas pedidas. São fáceis de carregar na bolsa e têm uma grande quantidade de fibras. Damasco, uvas passas e ameixa seca são algumas opções.banner-ebook-gestacao

Frutas ricas em potássio combatem as cãibras

As cãibras também são muito comuns para algumas grávidas, especialmente no segundo e terceiro trimestres da gravidez. Além da ação hormonal, o ganho de peso e o crescimento do bebê pressionam músculos e veias e podem causar, além das dolorosas contrações musculares, edemas devido à má circulação sanguínea.O potássio é um mineral reconhecidamente aliado no combate às cãibras, além de ser importante para controlar o sódio no organismo e evitar a hipertensão arterial, tão perigosa para as grávidas.O potássio é encontrado nas seguintes frutas: banana, abacate, abacaxi, ameixa, maracujá, mamão, uvas passas e melão.

Frutas ricas em ácido fólico ajudam na formação da coluna vertebral do bebê

O ácido fólico, ou vitamina B9, é essencial para o bebê. Tanto que a recomendação é que essa vitamina seja tomada, como suplemento alimentar, antes mesmo da mulher engravidar. Ela é muito importante para a formação do tubo neural e da coluna vertebral do bebê — um processo que se inicia nas primeiras semanas da gestação.Essa importante vitamina é encontrada na laranja, morango, framboesa, abacate e mamão.

Frutas fontes de ferro são essenciais para o desenvolvimento do bebê

O ferro é um mineral importantíssimo para o desenvolvimento do feto. Nos últimos três meses da gravidez há um grande aumento da demanda de ferro para o amadurecimento dos órgãos do bebê que se prepara para nascer — o que pode levar a um quadro de anemia na gestante.Algumas frutas oferecem uma boa quantidade de ferro: morango, abacate, damasco seco, coco, cereja, uva rosa ou vermelha, amora preta e uvas passas são algumas delas.Agora que você sabe porque comer frutas durante a gravidez, não perca tempo! Inclua essas deliciosas opções na sua dieta e garanta mais saúde para você e seu bebê. Ainda ficou com alguma dúvida? Baixe agora nosso guia para a mamãe de primeira viagem Deixe seu comentário!
Gostou? Compartilhe!

> Artigos relacionados

gravidez no verão

Conheça os aliados durante a gravidez no verão

Gestão de finanças: se organizando para cuidar de uma criança

Deixe seu comentário