Quais os tipos de parto e como decidir o melhor para você e o seu bebê?

tipos de parto
Uma das grandes preocupações durante a gravidez é a escolha entre os diferentes tipos de parto. Trata-se de uma decisão que traz muita ansiedade para a mulher e que, por isso, deve ser tomada considerando a opinião médica e aquilo que for melhor para a mãe e para o bebê.No post de hoje, vamos falar sobre uma técnica que tem despertado cada vez mais o interesse das gestantes: o parto humanizado. Você vai entender como funciona esse procedimento e quais são as diferenças em relação ao parto normal.banner-ebook-gestacao

Entenda o que é o parto humanizado

Apesar de ser considerado, de maneira geral, como um dos tipos de parto existentes, o parto humanizado, na verdade, precisa ser entendido como um processo que busca valorizar os aspectos emocionais do parto e o poder de escolha da gestante.No parto humanizado, cuidados específicos são adotados, de modo que a mãe esteja no centro de todas as decisões, considerando não apenas os seus desejos em relação à chegada do seu filho, mas também o estado de saúde de ambos.O conceito de parto humanizado é sustentado pela ideia de que o nascimento de um bebê é um acontecimento inerente ao ciclo vital e, por isso, instintivamente natural. Nesse sentido, a dimensão humana desse processo fisiológico deve ser colocada em evidência, a fim de preservar a saúde física e emocional da mulher e do bebê.Por essa razão, a prática do parto humanizado vem ganhando cada vez mais adeptos entre a comunidade médica e as próprias gestantes. Desde que bem orientadas por especialistas, as mães têm a oportunidade de escolher com segurança e liberdade a maneira como darão à luz seu filho.Conheça, a seguir, quais são as condutas características do parto humanizado e como ele se diferencia do parto normal.

Saiba quais são as diferenças entre os tipos de parto

O que diferencia o parto humanizado de um parto normal é a garantia de que o nascimento do bebê seja o mais tranquilo, carinhoso e natural possível.Sendo assim, são vários os procedimentos que caracterizam o processo do parto humanizado e a escolha entre cada um deles caberá à gestante, com a orientação e o acompanhamento de uma equipe médica especializada. Desse modo, é possível garantir, dentre outros diferenciais:
  • a presença constante do pai da criança, ou de outro acompanhante, durante todo o trabalho de parto;
  • a liberdade para a gestante se movimentar e andar antes do parto;
  • a possibilidade de a gestante escolher entre anestesia ou métodos não-farmacológicos para aliviar a dor, como tomar banho de chuveiro ou na banheira;
  • a possibilidade de a gestante escolher a posição em que gostaria de permanecer para o nascimento do bebê, inclusive de optar pelo nascimento na água;
  • a permissão para a mãe segurar o bebê assim que ele nascer e para amamentá-lo logo após o parto.
Para que uma conduta sensível e humanizada seja adotada durante o trabalho de parto, não apenas toda a equipe de obstetrícia precisa estar preparada, mas também a estrutura do hospital ou maternidade.Seguindo a metodologia do parto humanizado, até mesmo a cesariana, quando escolhida para preservar a vida de mãe e filho, pode se tornar um procedimento cercado de cuidados que promovam o bem-estar emocional.

Lembre-se da importância do pré-natal

O processo do parto humanizado é composto de atitudes simples, mas que produzem efeitos extremamente benéficos para a saúde da mulher e do seu bebê, assim como para o fortalecimento do vínculo entre eles.Agora que você já conhece melhor o parto humanizado, é importante lembrar que, para que tudo corra bem durante o nascimento do seu filho, fazer um acompanhamento pré-natal de qualidade é fundamental.Por isso, confira, em outro artigo do nosso blog, quais são os exames necessários ao longo de toda a gestação e veja se você está em dia com todos eles!
Gostou? Compartilhe!

> Artigos relacionados

gravidez no verão

Conheça os aliados durante a gravidez no verão

8 dicas de alimentação e exercícios de acordo com a fase gestacional

Deixe seu comentário