Sensibilidade nos dentes: O que é e como prevenir

sensibilidade nos dentes. odonto.odontologia. dentista.
Um sorvete em um dia quente? Nem pensar! Um café bem quentinho para espertar? Pode esquecer. Um brigadeiro depois do almoço? Não pode. Pode parecer uma dieta rígida com muitas restrições, entretanto é a realidade para muitos brasileiros que sofrem com a sensibilidade dentária.Problema recorrente na população, a sensibilidade dentária é uma condição que afeta cerca de 57% dos adultos, o problema tem origem por conta de dois fatores: a erosão do esmalte do dente e a retração da gengiva.

Veja mais: Retração da gengiva: o que é e como prevenir

Agende A sensibilidade dentária é resultado de processos onde a dentina fica exposta, normalmente é ocasionada em resultado dos dois processos já citados. O primeiro é a erosão do esmalte do dente, ou seja, ocorre um dano a essa capa dentária tornando o dente permeável, facilitando a penetração de qualquer substância na dentina chegando até ao nervo do dente causando dor. A outra hipótese é a retração da gengiva, nesse caso os fatores podem ser variados, sendo o mais comum a escovação com força demasiada ou alguma infecção na gengiva em que resulte nesse processo.

Tem tratamento?

Felizmente a sensibilidade dos dentes tem solução, segundo dentistas existem diversos tratamentos para reduzir danos e resolver a situação, sendo em algumas soluções mais comum o enxerto de gengiva ou esmaltação do dente que está muito debilitado, vai depender do processo que desencadeou essa sensibilidade. Entretanto, é importante lembrar que somente um especialista em odontologia poderá indicar o melhor tratamento e dar um diagnóstico mais preciso quanto a condição.

Como prevenir a sensibilidade nos dentes?

Para evitar problemas futuros, separamos três medidas que podem ajudar na prevenção do aparecimento da sensibilidade dentaria.• Evite alimentos ácidos: a erosão da camada mais superficial do dente pode ser causando por diversos fatores, um deles é o atrito entre os dentes, bem como, o consumo de alimentos ácidos, por isso é importante evitar alimentos cítricos e ácidos, bem como refrigerantes que agravam a situação a longo prazo.• Escovas com cerdas macias: um dos grandes vilões da retração da gengiva é exatamente a escovação com força demasiada, por isso, fique de olho na sua escova, se as cerdas estão deformadas pode ser um sinal de que você está empregando força demais no processo de limpeza. Outro ponto importante é se atentar a sempre escolher escovas com cerdas macias para diminuir ainda mais o atrito e força empregados.• Vá ao dentista pelo menos duas vezes ao ano: A visita a um especialista em odontologia não deve ser feita apenas quando um sintoma ou incomodo aparecer, é importante que ela seja feita com regularidade e de forma preventiva, somente assim o diagnóstico pode ser feito com antecedência e o problema bucal sanado sem maiores danos.Essas são algumas dicas para evitar a sensibilidade dos dentes, entretanto, o monitoramento com um profissional de odontologia é sempre a melhor indicação para evitar esse e outros problemas que podem surgir. Aqui na Clínica SiM você encontra profissionais especializados em diversas áreas da odontologia. Agende 
Gostou? Compartilhe!

> Artigos relacionados

peeling

Peeling: Quais os prinicipais benefícios?

harmonização facial. dentista. odontologia.

Harmonização facial: saiba o que é e quais os procedimentos comuns

Deixe seu comentário