Obesidade: o que é e como é o tratamento

obesidade

A obesidade é uma doença séria e de difícil tratamento. É ocasionada pelo acumulo excessivo de gordura no corpo e suas consequências são inúmeras e certamente devem ter a atenção tanto do acometido quanto de um profissional especializado.

Existe muito preconceito envolvendo essa doença, muito disso devido ao pensamento que é culpa unicamente do estilo de vida do indivíduo. Mas não é bem assim e vamos descobrir o porquê.

Quer saber como essa doença acontece e como normalmente é tratada? Continue lendo esse texto, falaremos mais sobre esse assunto.

O que é e como se desenvolve a obesidade

A obesidade é uma doença caracterizada pelo aumento da massa corporal, especificamente da massa gorda. Devido aos hábitos alimentares que temos no século XXI, essa tem sido uma doença de incidência crescente em toda a nossa população, contudo, muito desse problema pode ser decorrente do metabolismo.

Segundo o Governo Brasileiro, os casos dessa doença cresceram em 60% nos últimos 10 anos, não só entre os adultos, mas também entre as crianças.

Isso fez com que essa tenha sido alvo de diversas políticas públicas para o manejo da mesma. Mas o que causa a obesidade? Vamos descobrir

Causas da obesidade

Além da causa óbvia que é ingerir mais calorias do que gastamos diariamente, a obesidade em si pode ter diversas causas:

  • Sedentarismo: isso é quando se tem ume estilo de vida parada, sem a prática de exercícios físicos;
  • Maus hábitos alimentares: esse é um dos fatores que mais contribuem para o quadro de obesidade e é amplamente praticado;
  • Fatores genéticos: quando o indivíduo apresenta mutações em alguns de seus genes resultando no aparecimento do quadro de obesidade;
  • Disfunções hormonais: diversos hormônios estão ligados não só a fome, mas também ao nosso metabolismo, podem desde fazer com que o indivíduo coma demais ou mesmo com que ele processe os nutrientes de forma ineficiente.

O tratamento da obesidade

Pode não vir como um choque, mas o tratamento da obesidade é em grande parte eficiente por conta da mudança de hábitos. Como dissemos anteriormente, o estilo de vida do indivíduo é um dos principais fatores para o desenvolvimento desse quadro.

Nem todos os indivíduos se qualificam para cirurgias bariátricas, como vemos tanto falar. Muitos deles necessitam pegar o caminho mais longo que é controlar as calorias ingeridas, muito exercício físico e, algumas vezes, ajuda de medicamentos.

Antes de tudo, é preciso ter em mente que é um plano de longo prazo, afinal, o indivíduo irá perder anos de acúmulo de peso e isso não acontece de uma hora para outra.

O pior inimigo dessas pessoas é justamente o cansaço, por ser algo a longo prazo, é fácil se desestimular e sair do plano. Contudo, é importante manter o foco e a alimentação saudável aliada aos exercícios físicos.

Os perigos da obesidade

Ao combater a obesidade o indivíduo também estará eliminando uma série de riscos da sua vida. Essa é uma condição que estimula o aparecimento de outras como:

  • Hipertensão;
  • Diabetes;
  • Dislipidemia;
  • Câncer.

Esses são só alguns exemplos, contudo a lista se estende muito mais.

Pronto para começar a mudança? Você pode começar consultando-se com um endocrinologista e para isso, você poderá contar com a Clinica sim para encontrar os melhores médicos de sua região.

Gostou? Compartilhe!

Deixe seu comentário